O caso da Blogueira fura fila!

O que te faz especial? Poder aquisitivo? Status profissional? Beleza e vários looks publicados?

O que te faz pensar que por fazer parte de uma equipe de uma revista famosa, as outras pessoas devem se curvar a você?

O que é educação e cidadania para você?

Todas as respostas para estas perguntas seriam respondidas de maneira simples e rápida se não se tratasse da blogueira fura fila.

Entenda o caso:

993950_576745479034126_622867616_n

 

Leram? Bom, então, logo depois deste tiro no pé, vamos dizer assim… veio o resultado: milhares de pessoas fazendo piadas, comentando, criticando e se divertindo com este depoimento um tanto quanto descabido! E a situação é tão absurda que podemos criar algumas situações, onde a carteirada blogueira também poderia rolar em tom de comédia… Vamos lá…

Eu chego em uma loja e digo para a vendedora: Eu posso levar a roupa, usar e devolver depois? É só pra ter certeza se ela é boa mesmo… E um detalhe, não importa se o cliente está experimentando, afinal sou blogueira da Revista Tralalá e eu tenho esse direito…

Estou numa doceria, gostei dos brigadeiros, achei lindos e meus olhos brilharam por eles, posso comê-los??? Se forem realmente bons eu pago, se não forem, sinto muito, afinal sou blogueira…

Estou na fila da ducha na praia, quero tirar a areia do meu corpo e uma fila imensa está formada, e que preguiça não é mesmo? Esperar todos se lavarem… Quero passar na frente, afinal estou incomodada e sou blogueira de uma revista adolescente… e que me importa se todos estão cheios de areia??? Posso falar mal da praia depois em meu Facebook e blá blá blá…

Todo este texto serve na verdade para mostrar, exemplificar e o mais importante… fazer pensar sobre as atitudes que tomamos em nosso dia a dia… Por que sou mais especial que o fulano que aguarda a fila? Por que me dou o direito de faltar com educação com as outras pessoas presentes? Por que sou tão mimada a ponto de xingar, gritar e esbravejar na minha rede social quando as pessoas não agem como eu quero?

É um post cheio de perguntas, mas com uma conclusão:

Gata… ser blogueira é ser como padeiro, pedreiro, pintor, estilista, médico, jornalista, doméstica e por aí vai… somos todos iguais e dar carteirada em porta de balada é o fim! Aulinhas de etiqueta já! E da próxima vez amiga, volta pro final da fila, assim como qualquer outro mortal e também blogueiro voltaria e esperaria sua vez, sem esse post recheado de pitis e frescuras desnecessárias!

Beijos! 😉

3 comentários em “O caso da Blogueira fura fila!

  1. Betty Gaeta disse:

    Oi Gui,
    Este bapho está explodindo na net, mas eu não sei quem é a blogueira! Please, me conta no in box, prometo que não espalho.
    Muita sorte para vc neste meio de semana!
    Bjs

    GOSTO DISTO!

  2. Betty Gaeta disse:

    Oi Gui,
    Vou compartilhar no FB.
    😀

  3. Cris Rangel disse:

    Disse tudo e disse bem!!!!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s